sexta-feira, 13 de maio de 2011

A novela da compra do carro... de novo - parte 2

Há uma semana estive no Detran (Rua Bernardo Guimarães, 1468) para saber se precisaria fazer outro laudo médico para pedir as isenções. Felizmente o Jeferson, que me atendeu com muita presteza, disse que não seria necessário, bastava pagar uma taxa (pouco mais de dez reais) e aguardar 30 dias. Achei o prazo meio puxado, afinal era só validar meu antigo laudo, mas ele me explicou que teria que passar por várias assinaturas, por isso a demora, mas pediu que eu ligasse toda semana para ver se já havia chegado. Fazer o que né, vou ligando...
O próximo passo foi levar a documentação que eu já havia imprimido e xerocado na Secretaria da Receita Estadual (Rua da Bahia, 1816) e me surpreendi com a eficiência e rapidez. Peguei uma senha preferencial e esperei cinco minutos. Apresentei os documentos, já esperando que seria solicitado o laudo do Detran e para minha surpresa não foi preciso! O atendente pegou o número do meu processo anterior e entrou com a documentação nova, e disse que em cinco dias ficaria pronto. É mole? Já achei que tinha pedido o laudo médico à toa, mas no dia seguinte descobri que não.
Faltava o último passo, levar a documentação na Receita Federal para pedir a isenção de IPI. Como a sede da RF é na Afonso Pena, pedi a Gi para levar pra mim. Mas como sou adepto da Lei de Murphy, descobri mais tarde que não é lá mais que leva os documentos. Mudaram para o escritório da rua Levindo Lopes, 357. Felizmente essa rua é bem ao lado de onde trabalho, é só virar a esquina. E lá fui eu levar os documentos no dia seguinte. E o prédio tem acesso, claro.
Me informei no térreo e subi para o 12º andar. Lá esperei uns minutinhos e fui atendido. Mostrei os documentos que eu tinha e a moça não quis nem receber. Disse que o principal é o laudo médico do Detran, que sem ele nem adianta, eu iria ficar com pendências. Mesmo eu insitindo que preferia já entrar com os documentos e depois resolver as pendências, ela insistiu que era melhor trazer o laudo, mesmo que fosse o antigo, pois talvez serviria. Acontece que deixei a última cópia no Detran para conseguir a nova via... Bem, semana que vem ligo pra lá para ver se ficou pronto. Duvido que adiantem... mas a esperança é a última que morre. O problema é quando o cara tem uma sogra chamada Esperança...

3 comentários:

  1. Olá

    Sou professora de uma escola estadual e estou aqui lhe convidando para conhecer nosso blog de LIBRAS onde o nosso objetivo é expandir a Língua de Sinais, pois somos escola pólo para atendimento da pessoa com deficiência auditiva.
    Se você tiver um tempinho e interesse pelo assunto, venha nos visitar. O endereço é:

    http://eeblmlibras.blogspot.com/

    Abraços fraternos

    ResponderExcluir
  2. Eu também estou pedindo isenção para a troca do meu carro e tive que renovar o laudo médico já tem 20 dias e até hj nada.

    ResponderExcluir
  3. KKKKKKKKKKKKK, a sogra chamada Esperança, ninguém merece, é ótima!!!!!!!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...