terça-feira, 8 de novembro de 2016

Estão acabando as opções

Quer comprar um carro bonito, cheio de opções de conforto, com isenção de impostos? Esqueça.
Quando comprei meu segundo carro após a lesão, um Bravo Dualogic em 2011, na Automax, fiquei incomodado com o limite de isenção, que era de 70 mil reais, e não permitia acrescentar um opcional que me traria mais conforto, o kit multimídia. Não entrava na minha cabeça limitar o valor para compra com isenções, se a pessoa tem o dinheiro, porque limitar? Deficiente está proibido de ter conforto? Quando meu carro completou dois anos, em 2013 - foi justamente quando saiu a lei que permitia solicitar a isenção a cada dois anos - o limite de isenção continuava o mesmo. Achei melhor esperar para trocar de carro, pois queria comprar um veículo mais completo, e acreditei que logo logo iriam aumentar este limite, que já durava quatro anos. 
A Reatech sempre tem stands de montadoras. Elas estão desanimando, não tem mais muitas opções com isenção.
No ano seguinte já haviam rumores sobre o aumento da isenção, e tudo seria discutido na Reatech, que fui, mas nada foi decidido. Levaram a discussão para o fim do ano, e nada de aumento do limite. Chegou 2015, fiquei em cima, assinei petição para aumentar o limite, mandei uns dez e-mails para a CONFAZ - órgão que regula a isenção de ICMS, que é a que tem essa regra estúpida - e nada de resposta positiva. Me mandam sempre o e-mail padrão: "o assunto encontra-se em estudo". Que estudo é esse que dura mais de seis anos??? Estão precisando de universitários para ajudar? Eu arrumo alguns!
Opções de conveniência como comandos no volante e bluetooth estão ficando fora do cardápio
Esperei, esperei e perdi a paciência. Procurei, procurei, e acabei comprando um dos últimos carros grandes remanescentes, uma Chevrolet Spin. Carros médios como Volkswagen Golf, Fiat Bravo, Ford Focus e Chevrolet Cruze já não tem modelos automáticos abaixo de 70 mil. O que as montadoras fazem é "pelar" alguns modelos automáticos para ficarem no limite e os anunciam por 69.990,00. Você compra achando que vai finalmente ter conforto e percebe que em alguns casos nem rádio o carro tem. É o que a Toyota faz com o Corolla. Vende para deficientes sem opções que ajudam no dia a dia como bluetooth e comandos no volante. E alguns itens não tem como incluir depois, ou ficam tão caros que não vale a pena. O mesmo acontece na Volkswagen, dá para comprar veículos automáticos e depois ficamos atrás de sites como este link para melhorar o veículo.
Já pensou comprar um carro e ter que carregar a cadeira assim?

Não sei o que mais podemos fazer para sensibilizar as pessoas que travam este limite insano para aquisição de veículos com isenção. Ficamos reféns das opções que diminuem a cada dia, e todos sabem que ter um carro não é luxo para quem tem limitação, é necessidade. Minha preocupação nem é com conforto, mas sim espaço. Quem usa cadeira de rodas sabe o quanto é importante um bom porta malas. Mas como comprar um carro grande se até carros pequenos estão passando do limite? Outra coisa que está passando do limite é nossa paciência...

7 comentários:

  1. Eu estou tendo o mesmo problema que você, já temos o carro a quatro anos, está na hora de trocar, a distrofia muscular evoluiu e tenho que re-adaptalo para eu voltar a dirigir, tenho duas filhas pequenas, e não acho carro com espaço no porta-malas no valor menor que 70 mil que é a lei da desconto.

    ResponderExcluir
  2. Possuo um carro com isenção em nome de meu pai que veio a falecer este ano. O que fazer para tirar do nome dele? A próxima matrícula será que já vem o valor normal? Obrigado.

    ResponderExcluir
  3. Foi recentemente amputado minha perna inferior a direita. Moro em Recife e tenho de fazer uma prova na Detran.
    A Detran mandou fazer a Adaptação adequada.
    Meu carro é um Chevrolet Opala Comodore 1990.
    Gostaria se vocês fazem o serviço e mandar um orçamento.

    Obrigado!
    Werner M. Brings
    wernerbrings2008@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Caro sou beneficiário do loas de um salário mínimo se financia um carro vou continuar a receber o benefício

    ResponderExcluir
  5. https://secure.avaaz.org/po/petition/PRES_DA_REPUBLICA_CONGRESSO_NACIONAL_CONFAZ_SUPEREMO_TRIB_FED_AUMENTO_LIMITE_ISENCAO_COMPRA_DE_VEICULOS_PARA_DEFICIENTES/?cXHLBib&utm_source=sharetools&utm_medium=copy&utm_campaign=petition-311066-PRES_DA_REPUBLICA_CONGRESSO_NACIONAL_CONFAZ_SUPEREMO_TRIB_FED_AUMENTO_LIMITE_ISENCAO_COMPRA_DE_VEICULOS_PARA_DEFICIENTES&utm_term=XHLBib%2Bpo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ASSINE A PETIÇÃO a cima
      AUMENTO LIMITE ISENÇÃO COMPRA DE VEÍCULOS PARA DEFICIENTES FÍSICOS - PCD

      Excluir
  6. Por incrível que pareça, nem mesmo a norma antiga que limitava pela potência máxima soava tão ridícula quanto essa do preço-base. Pode até ser que algum beneficiário dessas isenções discorde comigo, que me falta "empatia", ou que limitar em função da potência também deixaria os deficientes em desvantagem na hora de escolher um veículo 0km, mas ainda é uma prática mais alinhada com o que se faz em mercados mais desenvolvidos. Além do mais, mesmo com uma potência menor a regimes de rotação menos vigorosos, é possível ajustar o motor para priorizar o torque em baixas rotações e usar relações de marcha mais longas, o que resultaria tanto em mais economia de combustível quanto melhoria da durabilidade.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...